DestaquePolítica

Henrique Melman é confirmado como candidato a prefeito em Arraial

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) de Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio, confirmou, em convenção realizada no último sábado (5), Henrique Melman, mais conhecido como “Velho Lobo”, como candidato a prefeito do município pela sigla. Como vice, foi escolhido gestor público, especialista em Orçamento Público Federal, Alcimar Pinto de Almeida Neto, o Mazinho, filiado ao partido, formando uma chapa puro-sangue.

Nas redes sociais, Henrique Melman comemorou o lançamento da candidatura. “É com muito prazer que anuncio que hoje o meu amado partido PDT, me escolheu como pré-candidato à Prefeitura de Arraial do Cabo. Uma etapa importante para a democracia do pleito de 2020”, disse.

O veterano político pedetista, que governou a cidade entre 2001 e 2008, aposta na experiência para administrar a prefeitura no próximo mandato. Melman se classificou como ‘visionário’. “Essas eleições não serão fácies. Temos um desafio imenso pela frente: a retirada de um governo que afundou os nossos sonhos. Falo sempre em sonhos, porque apesar da minha idade, nunca vivi apenas o meu tempo, sou visionário e alguém que enxerga o futuro. Arraial do Cabo voltará a ser digno pra os cabistas. Desejo um tempo de prosperidade já! Não me igualo a demais pré-candidatos que usam do poder público para enriquecimento próprio e ilícito. Vivo hoje exclusivamente para minha cidade”.

Em seu discurso, durante a solenidade, Melman afirmou que, caso seja eleito, fará um governo para o povo cabista. “Não quero falar dos governos atuais porque vocês sabem o menosprezo que eles tem e tiveram pela cidade. Uma coisa prometo a vocês, nós precisamos tirar as famílias Vianna e Cardoso da política de Arraial do Cabo. Arraial não pode ter os coronéis. É lamentável, triste, que se enriqueçam as custas do município. Digo mais, quem trabalhou para ter Royalties não foram eles que usufruem. Quem trabalhou para ter Royalties fomos nós de 2001 a 2008.  Não tenho dúvida se chegarmos lá faremos um governo do povo, para o povo e do povo”, frisou.

Henrique Melman lembra que em seu primeiro mandato (2001), assumiu uma prefeitura totalmente sucateada. Ele ressalta que, na época, com cofres vazios, o funcionalismo municipal com os pagamentos atrasados e uma lista enorme de credores que não tinham recebido pelos serviços prestados, conseguiu lutar em prol da conquista de crédito e confiança de empresários e moradores.

Durante seu discurso, Melman demonstrou um olhar sensibilizado sobre os distritos do município. “O que a gente precisa mudar é a Educação, Saúde. O Sabiá, Novo Arraial, Caiçara não tem uma escola. Não é uma escola em Pernambuca, outra em Figueira que vai dar conta pra essa garotada toda. A gente precisa dar um suporte diferente. Foi isso que percebi ao visitar essas localidades. Percebi o quanto eles cresceram abandonados”, revelou.

Vice

Em relação a escolha de Mazinho Neto como vice, Melman destacou a seleção como uma aposta na renovação da administração pública. “Não parei no tempo, meus amigos. Estou vivendo e evoluindo nas renovações da administração pública, por isso escolhi, Mazinho Neto, como meu companheiro e pré-candidato a vice-prefeito. Sei que a minha experiência aliada a dele fará de Arraial do Cabo um lugar muito bom para se viver. Obrigado pelo apoio de todos! Os sonhos não envelhecem”, ressalta.

Por sua vez, Mazinho Neto revelou que vai usar a gestão pública para mudar vidas. Cabista nato, Mazinho é gestor público, especialista em Orçamento Público Federal e tem na bagagem grandes participações no Congresso Nacional e na Prefeitura de Duque de Caxias.

“Muitos perguntam o que Mazinho pode ajudar, o que Mazinho traz de novo para poder ajudar a cidade se desenvolver. Sou cabista de coração e nascença. Minha família em toda a Arraial do Cabo gerou empregos, ajudou pessoas. Fui batizado aqui na Igreja Nossa Senhora dos Remédios. Passei toda minha infância e adolescência em Arraial. Precisei sair para estudar, ter uma oportunidade de vida e, assim fiz. Fui para Brasília, estudei administração, gestão pública, Orçamento Público Federal. Pude ter a certeza que através da política pública, através da gestão pública, podemos mudar a vida das pessoas” afirmou.

Mazinho reforça que sua trajetória por Brasília trouxe oportunidades de ajudar a diversos municípios do Rio. “Cheguei em Brasília bem jovem na Câmara dos Deputados, comecei com muito trabalho, muita dedicação, muito esforço, muito estudo. Cheguei no último cargo administrativo dentro do Congresso Nacional, algo que me orgulho muito nestes 12 anos de vida pública, de trabalho. Nesses 12 anos em Brasília como gestor público ajudei diversos municípios no nosso Estado. Recebi títulos de cidadão em diversas cidades que pude ajudar, como Búzios com a construção do Hospital Municipal, em São Pedro, com a Praça da Juventude, em Iguaba Grande, com o Centro de referência ao Idoso, e tantas outras obras que me orgulho de ter participado e levado o desenvolvimento ao município”, destacou.

O vice também relembra suas passagens pela Prefeitura de Duque de Caxias. “Estudando administração pública tive a oportunidade de um convite há dois anos atrás de ir para Duque de Caxias, lá fui subsecretário de Fazenda. No período que conseguir fazer daquele município aquele que mais capitou recursos federais, estaduais e até internacionais. Fui subsecretário de Fazenda, subsecretário Administração e pude realizar diversos projetos, tanto para desfavelização, construção de hospitais, de escolas. Realmente, através da política pública nós mudamos a vida das pessoas”.

Em 2016, Mazinho foi candidato a prefeito de Arraial. Apesar de não garantir o cargo, ele revela que adquiriu experiência para entender ainda mais as necessidades cabistas. ”Em 2016, fui candidato a prefeito pela minha convicção que realmente através da gestão pública podemos sim fazer um gestão séria, comprometida, respeitando o povo, respeitando o dinheiro público. Segui naquela eleição até o fim sem me corromper, sem me aliar a aquilo que eu não acredito e pude ter a experiência de ver o Arraial mais de perto. Entrando nas casas das pessoas, ouvindo as famílias. É algo que me orgulho de verdade”, diz.

Segundo Mazinho, o projeto de campanha será baseado em ‘pensar a cidade para as pessoas’. Em Duque de Caxias, no ano passado, participamos de um congresso internacional onde todos os municípios da América Latina poderiam participar sobre um projeto de mobilidade urbana, que é pensar a cidade para as pessoas. É isso que penso que Arraial precisa: pensar a cidade para as pessoas.  Há um ano e meio atrás, o Dr. Henrique me convidou para conversar e, sempre repito isso, entrei pré-candidato a prefeito e sai eleitor. Realmente, vi uma pessoa que tem os mesmos princípios, as mesmas ideias e o mesmo comprometimento com a política. Ali eu vi que tinha encontrado alguém que pensava e pensa como eu penso, que, realmente, tem um projeto para Arraial do Cabo”.

Cenário político

Com as primeiras convenções sendo realizadas na cidade, já é possível vislumbrar um cenário eleitoral disputado neste ano. Em seu discurso, Melman frisou que continuará mantendo suas amizades independente de escolhas políticas. “Meus amigos candidatos, neste momento adversários, vão continuar sendo meus amigos independente das escolhas políticas que possam ter”, pontuou.

Já Mazinho definiu que há dois caminhos neste pleito. “Nesta eleição está muito fácil de ser observado que existem dois caminhos: o da verdade e o da mentira. Um caminho de projeto de poder e outro de projeto de cidade. E é o caminho de projeto de cidade que eu acredito que o Henrique tem a capacidade de mostrar que é possível”, disse.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo