Política

Ednardo quer reeleição para continuar melhorias

O candidato à reeleição pela coligação “Continuar a Avançar’, que reúne os partidos PP, PTB, MDB, PSL, PSC, DEM e PL, o prefeito Ednardo Barbosa (PSC), de 42 anos, afirma que quer continuar trabalhando em prol da população de Pinheiral, no Sul Fluminense. “Daremos início a mais uma etapa dessa nossa caminhada de ações e realizações, que ao longo desses quatro anos tiveram um único objetivo: trabalhar para atender as necessidades da população”, frisou.

Bacharel em Direito, Ednardo, iniciou suas atividades laboratoriais na Viação Elite em Volta Redonda, onde esteve por 10 anos. Teve atuações na Procuradoria Geral, na Secretaria Municipal de Governo e posteriormente na pasta de Saúde de Pinheiral.

Em 2012, foi eleito prefeito de Pinheiral por 3.395 votos. Neto do ex-vereador e ex-prefeito de Piraí, ex-deputado estadual e um dos responsáveis pela emancipação política administrativa do município de Pinheiral, Aurelino Barbosa, Ednardo traz a política no sangue.

“Em razão ao trabalho realizado e reconhecimento por parte da população e na certeza de que poderei fazer muito mais pela população do município, resolvi concorrer a Prefeitura Municipal em 2012 e tive 3.395 votos. Sendo a política um componente sanguíneo, pois meu avô, Aurelino Barbosa, foi vereador e prefeito da cidade de Piraí, deputado Estadual e consequentemente primeiro Prefeito de Pinheiral e minha mãe, Eliege Barbosa foi vereadora do município. Trago comigo a experiência e a competência recheada de humildade daqueles que trabalham duramente com honestidade e dignidade para fundar as bases da independência político administrativa de Pinheiral”, disse.

Segundo Ednardo Barbosa, caso seja reeleito, Saúde e Educação continuarão em primeiro lugar, mas terá um novo olhar para outros setores fundamentais, principalmente neste momento de pandemia de covid-19.

“A pandemia mostrou a dificuldade do ensino a distância, não só em Pinheiral, mas em todo país e, isso nos faz pensar em novas metodogias de ensino e de informatização para facilitar o acesso desses alunos à Educação”, avaliou.

Eleito ao lado da Sediene Maia (DEM), em 2016, o postulante manterá a chapa.  Natural de Miguel Pereira, Sediente tem 64 anos e é pedagoga.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo