DestaquePolícia

Operação conjunta prende mais de 20 traficantes em Paraíba do Sul

A Secretaria de Estado de Polícia Civil, por meio da 107ª DP (Paraíba do Sul) e o 38º BPM (Três Rios) realizaram em conjunto, desde as primeiras horas da manhã de terça-feira (22), uma grande operação para cumprir 29 mandados de prisão e 31 de busca e apreensão contra traficantes que agem em Paraíba do Sul. Até o momento, 23 deles foram cumpridos, oito contra pessoas que já estavam presas.

De acordo com a delegada Cláudia Nardy Abbud, titular da 107ª DP, as investigações para a ação começaram em março de 2019, a partir da instalação de criminosos da facção Comando Vermelho (CV) na cidade. Eles se fixaram principalmente na região chamada de Complexo do Jatobá, que engloba os bairros de Grama, Grotão, Jatobá, Morro da Alegria e Bela Vista.

Mesmo presos, os três líderes da quadrilha, que também foram alvos da ação de hoje, usam celulares e visitantes para repassar informações aos comparsas que estão fora da cadeia. Eles coordenam as atividades do bando e o envio de drogas de comunidades da capital para a região.

Ainda segundo a delegada, o inquérito da investigação tem mais de 1 mil páginas e detalha 14 apreensões de drogas da quadrilha, totalizando mais de 3,5 mil pinos de cocaína e outras drogas encontrados.

Em uma das ações, feita em setembro de 2019, com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), 1,9 mil pinos de cocaína foram apreendidos em Petrópolis, na Região Serrana. Dois meses depois, 1.490 pinos da mesma droga foram encontrados em uma casa em construção em Paraíba de Sul.

“Um ponto comum nessas apreensões é o fato de que as drogas estavam etiquetas com uma figura alusiva ao personagem do filme ‘Pânico’, além de conter as inscrições dos bairros onde seriam comercializadas”, conta Nardy.

A ação contou com o apoio de policias civis da 108ª DP (Três Rios), 105ª DP (Petrópolis) e 106ª DP (Itaipava), além de PMs do 26º BPM (Petrópolis), 11º BPM (Nova Friburgo) e 30º BPM (Teresópolis).

“Com essa operação a força policial de Paraíba do Sul, além do combater os diversos crimes diretamente relacionados ao tráfico, busca manter o baixíssimo índice de letalidade na cidade, onde ocorreu um único homicídio em 2020 e o caso foi elucidado em 24h”, acrescenta Nardy. “Nos últimos três anos as polícias Civil e Militar do município realizaram 45 operações integradas que totalizaram 213 prisões, um esforço conjunto que vem sendo capaz de produzir os resultados almejados em prol da segurança pública”.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo