DestaquePolítica

RIO UNA

Búzios pretende acionar Justiça contra lançamento de efluentes tratados

A Prefeitura de Armação dos Búzios, na Região dos Lagos do Rio, afirmou na terça-feira (25) que pretende acionar a Justiça contra a transposição dos efluentes tratados do esgoto para o Rio Uma. Segundo a Administração Municipal, a Secretaria do Ambiente, Pesca e Urbanismo, tem acompanhado de perto as discussões em andamento sobre a proposta.

“Há décadas o esgoto dos municípios que circundam a Lagoa de Araruama, é despejado “in natura” na Lagoa. Há alguns anos, está sendo feito um tratamento com filtragem parcial, e com o crescimento das cidades, o aumento do esgoto tem gerado inúmeras discussões, quanto ao destino que será dado ao mesmo. Atualmente as discussões se voltaram para o lançamento do esgoto destes municípios por meio de um emissário submarino em Arraial do Cabo, na praia grande, ou no Rio Uma, que deságua na Praia Rasa, em Búzios”, explica a assessoria da Prefeitura.

A Prefeitura afirma que, “mesmo sendo um esgoto tratado”, é totalmente contra a proposta. “Além de tecnicamente não ser a melhor solução, vai poluir a Praia Rasa e comprometer o ecossistema do Mangue de Pedra, que é único no mundo”.

O Secretário do Ambiente, Evanildo Nascimento, disse que as discussões estão em andamento, mas que já conta com o apoio do Conselho de Meio Ambiente no sentido de não aceitar o despejo. “(…) caso seja decidido o lançamento do rio, o município poderá até judicializar a questão. Búzios não vai concordar com essa solução aventada”, finaliza.

O Rio Una nasce no município de Araruama, tendo como formadores os Rios Godinho, Conceição e Carijó, seguindo seu curso ao longo de uma baixada até atingir a RJ-106 (Trevo de Búzios) atravessando a reserva da Marinha, onde há um encontro com o canal que sai do Jardim Esperança para, enfim, desaguar na Praia da Rasa.

A proposta é antiga e já levou muitos moradores a se manifestarem nas redes sociais. “Búzios não é latrina dos municípios da Região dos Lagos. Não caiam no papo que a foz do Rio Una fica em Cabo Frio, porque na verdade fica em Búzios. Não caiam no papo de que os ambientalistas querem esta transposição de esgoto. Quem quer a transposição são os ambientalistas da Lagoa de Araruama, os Ambientalistas de Búzios estão lutando contra este crime absurdo”, disse Mônica Casarin nas redes sociais.

“O projeto de transposição nos efluentes de esgoto de várias cidades para o Rio Una é prenúncio de um desastre ambiental sem precedentes. Que qualidade de água e que volume chegará ao rio? Como isso impactará a relação do rio com o mar?

Os impactos ambientais – desmatamento, desertificação, perda da biodiversidade, extinção de espécies da fauna e flora, erosão das margens e outros– foram estudados?”, questiona Gabriel Gialluisi.

“Esse projeto, extremamente egoísta, impactará Armação dos Búzios de uma forma geral e, em particular, uma das pérolas ambientais do município: o Mangue de Pedra, na praia da Gorda, no Bairro da Rasa”, completa Gialluisi.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo