Cidades

Parque Municipal dos Pássaros é reaberto para visitação pública

Para comemorar a Semana Mundial do Meio Ambiente, a Prefeitura de Rio das Ostras, por intermédio da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, reabriu, para visitação do público, nesta terça-feira (08), o Parque Natural Municipal dos Pássaros, em Jardim Mariléa.

O tema desse ano da Semana Mundial do Meio Ambiente reforça a urgência da restauração dos ecossistemas, tanto terrestres quanto marinhos, danificados pela ação humana. Quanto mais saudáveis eles forem, mais saudável será o planeta e, é claro, as formas de vida que o habitam.

A reabertura do local se tornou possível porque o Município avançou, no final do mês de maio, no Plano de Retomada das Atividades Econômicas e está agora na Bandeira Amarela nível 1.

Os visitantes do Parque dos Pássaros devem seguir as regras especificadas pelo Município, como uso obrigatório de máscaras e utilização de álcool em gel e respeito ao distanciamento social. Também é necessário descartar o lixo de forma correta nas dependências do parque e respeitar as faixas de isolamento.

Os visitantes também poderão percorrer a ponte do Parque Natural Municipal dos Pássaros, reinaugurada em dezembro de 2020. Será possível caminhar pela Ecotrilha Alfredo Sirkis, que recebeu este nome em homenagem ao ambientalista, jornalista, escritor e político.

CUIDADOS – Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, continua proibida a realização de eventos em áreas abertas e também estão suspensas atividades em grupos com mais de dez participantes.

Durante toda a visita, as pessoas devem respeitar o distanciamento mínimo de 1,5 metros, usar máscaras e higienizar as mãos antes e depois da visitação. Outro cuidado importante é ter atenção à etiqueta respiratória em caso de tosse ou espirro.

É recomendável o uso de repelentes e os visitantes devem levar recipiente com água, já que os bebedouros estarão indisponíveis para uso coletivo.

FUNCIONAMENTO – O Parque dos Pássaros funciona de terça-feira a domingo, das 09 às 16 horas. A entrada é gratuita.

 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo