DestaquePolícia

“Operação Assepsia II” mira 29 suspeitos por tráfico no interior do Rio

Policiais civis da 135ª DP de Itaocara, no Noroeste Fluminense, com apoio de outras unidades do 6° Departamento de Polícia Civil de Área (DPA), – coordenadas pelo delegado Dr. Rodrigo Maia -, junto com o Ministério Público do estado do Rio de Janeiro (MPRJ), deflagraram na quarta-feira (10), a megaoperação intitulada “Assepsia II” com o objetivo de cumprir 41 mandados de busca e apreensão e 31 ordens judiciais de prisões preventivas de indiciados por associação e tráfico de drogas, entre estes, supostos chefes e integrantes de facções criminosas dos municípios de Aperibé, Itaocara, Santo Antônio de Pádua e Campos dos Goytacazes. Ao total, 29 pessoas foram presas, sendo três mulheres. Um auto de prisão em flagrante (APF) foi lavrado por porte ilegal de arma de fogo. Três pessoas estão foragidas.

A ação conjunta é resultado de uma investigação do Grupo de Investigação Criminal (GIC) – a equipe de Inteligência da Delegacia de Itaocara – com o apoio do MPRJ tendo o auxílio operacional de 25 viaturas de delegacias da Região; 07 viaturas do Grupo de Apoio a Promotoria (GAP), 12 viaturas do 36º BPM (Santo Antônio de Pádua) e 03 viaturas da Guarda Civil Municipal (GCM) com 07 cães farejadores. O promotor de Justiça de Itaocara, Marcos Martins Davidovich, ofereceu a denúncia à Justiça, após inquéritos policiais instaurados pelo delegado Rodrigo Maia e desde o início acompanha as investigações – é o que destaca a Polícia Civil. Continua após vídeo.

De acordo com o dicionário Houaiss, o termo “Assepsia” significa “conjunto dos métodos capazes de proteger o organismo contra os germes patogênicos, além de impedir a proliferação de doenças. Segundo a Polícia Civil, o nome da operação faz uma alusão a limpeza; a retirada de criminosos das ruas. A operação é um desdobramento da realizada em novembro do ano passado. Naquela ocasião, 18 pessoas foram presas em Itaocara durante os cumprimentos a mandados de prisão preventiva, incluindo possíveis chefes de uma facção criminosa.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo