DestaquePolítica

CABO FRIO, 180 DIAS DO MESMO

Município continua sofrendo com buracos, abandono e desgoverno

O prefeito de Cabo Frio realizou na quarta-feira (30) uma coletiva de imprensa sobre os primeiros 180 dias de governo. Apesar do balanço positivo anunciado, moradores denunciam mazelas herdadas de gestões passadas que até hoje perpetuam na administração pública. Lixo espalhado, buracos, esgoto a céu aberto, falta de iluminação pública, servidores desvalorizados e caos na saúde são alguns dos problemas que ainda assolam o cotidiano cabo-friense.

Com transmissão ao vivo pelas redes sociais, a entrevista coletiva contou com a participação de jornalista e foi alvo de criticas de moradores. “Quanta conversa fiada! 180 dias e os mesmos buracos no mesmo lugar, só crescendo e o velhinho com conversa fiada. Bairros pós-ponte estão abandonados e ele preocupado com estatua”, desabafa Amaro Gomes.

“Vai tapar buraco! Vou ter que gastar mais de um milhar pra consertar o problema no pneu por conta dessas ruas esburacadas que vocês deixam”, lamentou Maurício Pompeu. “Precisamos de melhoria na cidade. Tudo esburacado e largado”, sentenciou Andrea Gomes.

SAÚDE

Cabo-frienses pedem que a atual gestão comece a resolver os problemas na Saúde. Segundo eles, o setor deveria ser prioridade, mas está abandonada. “A saúde da cidade está uma vergonha. Para uma consulta com cardiologista demora mais de 3 meses e o médico falta”, afirmou Reinaldo Ribeiro.

“Fundamental saúde e educação. Reabrir o hospital de Tamoios deveria ser prioridade!”, comentou Silvana Bina. “Enquanto isso, estamos esperando mais de 4 meses para ser atendida no posto médico”, fez coro Marcia Sales.

 ‘PERSEGUIÇÃO AOS AMBULANTES’

Além de sofrerem um duro golpe com a restrição de movimentação e verem sua renda despencar, em muitos casos, até desaparecer, as dezenas de trabalhadores que ganham a vida nas praias da cidade agora precisam conviver com o medo e a possibilidade de perderem de vez seu ganha pão. Segundo a categoria, a Prefeitura tem imposto regras arbitrarias para os trabalhadores.

“Uma maldade que o senhor estar fazendo com todos ambulantes da Praia do Forte, querendo acabar com 80% dos seguimentos de ambulantes”, ressaltou Vanderson Lopes.

“Prefeito, a cidade precisando de tanta atenção e seu foco é tirar trabalhadores das praias para beneficiar empresas e empresários”, afirma Janailton Santos.

Enquanto dita regras para os ambulantes, a Prefeitura tem esquecido de um dos mais belos cartões postais da cidade. A Praia do Forte tem vivenciado dias de abandono. Quem transita pela orla não consegue deixar de expressar sentimentos de decepção.

“Pelo amor de Deus! Muito foco em coisas que não vão melhorar. A Praia do Forte está muito depredada. Senhor prefeito, é lastimável como a orla esta depreciada, a Praça das Águas lodo puro. Precisamos urgente que nosso cartão postal não fique descuidado. Parapeito amarrado com arame, deck todo estragado, Fonte das Águas seca”, conta Mileny Alves.

NOVO SECRETÁRIO

Durante a reunião, José Bonifácio anunciou oficialmente o vereador Davi Souza (PDT) como novo secretário de Governo do Município, ocupando lugar deixado por Aquiles Barreto. A decisão será publicada no Diário Oficial. Não foi anunciada a data em que o vereador vai deixar a Câmara para assumir a função no Poder Executivo.

Davi Souza é um dos braços direitos do prefeito José Bonifácio e era líder do governo na Câmara dos Vereadores. O primeiro suplente é o atual secretário de Saúde, Felipe Fernandes, que poderá deixar o governo para assumir a vaga de vereador. A mudança de Felipe ainda não foi anunciada

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo